sexta-feira, 13 de junho de 2014

ElaLeu #10 - A probabilidade estatística do Amor à primeira vista

♥ Jhennifer E. Smith, Nova York 
♥ Publicado em 2013 no Brasil, pela editora Galera Record
♥ Romance Jovem-Adulto, narrado em terceira pessoa.
♥ Personagens principais: Hadley, Oliver e Andrew (pai da Hadley).
♥ A trajetória de Hadley ao encontro do pai e o encontro inesperado de um amor à primeira vista.


E mais uma resenha no blog. Demorei muito pra escrever por motivos de esquecimento e correria da vida, mas vamos logo começar a comentar sobre esse livro que ganhou o meu coração.

Sinopse: Com uma certa atmosfera de Um dia, mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia.

Então como a sinopse diz, Hadley, após se atrasar quatro minutos, perde o seu vôo para Londres para encontrar o pai que já não via há algum tempo e não só encontrá-lo mas conhecer a nova noiva dele, ver quem foi que "destruiu" a família dela. Com a perda do vôo, Hadley tem que pegar o próximo e nessa espera ela conhece Oliver, um britânico lindo que está voltando pra casa.

O livro se passa em um período muito rápido de tempo, 24 horas para ser exata, com 224 páginas muito bem descritas de locais, sentimentos e pessoas, você realmente se sente envolvido com a história. 

O que me deixou mais envolvida com a Hadley foi a mesma experiência de ver o pai se casar com outra mulher e ter que aceitar. Tudo bem que comigo foi quando eu era uma criança ainda, e eu não tinha muita maturidade para pensar nisso, mas se fosse hoje, acredito que eu ficaria com o mesmo pensamento da Hadley: uma nova mulher, uma nova vida pro meu pai, ele vai me esquecer, etc.

E claro tem um romance lindo entre Oliver e Hadley, ambos que acabaram de sair de relacionamentos não muito agradáveis. Mas já vou logo avisando que apesar da sinopse e de tudo o que eu já falei acima, é importante lembrar o título do livro. "Qual a probabilidade de se apaixonar a primeira vista?" Não é só em torno de Hadley e Oliver que a história gira. Dentro do avião temos um relato de uma senhora que fala sobre o seu marido, Hadley está a caminho de um casamento do pai, etc. O amor está todo interligado, deixando o livro super fofo e verdadeiro. E olha que é transmitido só por palavras, imaginem quando virar filme? Sim! Será adaptado gente! Quando eu soube já morri de amores e fiquei imaginando quem poderiam ser os atores perfeitos para os personagens.


Ainda não foram divulgados nomes, mas a Jennifer ficou super empolgada com a escolha de Hadley, e declarou que ainda estão à procura do lindo/fofo/encantador que interpretará o Oliver. O roteiro está sendo escrito por Dustin Lance Black, roteirista do ganhador de melhor roteiro original Milk, e a produção fica por conta de Caroline Kaplan e Bruna Papandre.

Se eu já fiquei apaixonada pelo livro, quem dirá pelo filme. A escrita da Jenn é tão suave e gostosa de ler que você lê o livro em um dia inteiro sem perceber. Meu personagem favorito sem duvidas foi o Andrew, pai da Hadley. Tudo o que ele conversa com ela já no momento crucial do livro me emocionou muito!

E vocês já leram A probabilidade estatística do amor à primeira vista? Estão ansiosos pelo filme? Me contem tudo nos comentários, e aguardem novidades no blog.

quarta-feira, 4 de junho de 2014

TAG: Nacionais da minha estante



Regras:
• Usar o selo da tag no seu post;
• Linkar quem te indicou;
• Responder às perguntas através de imagens, tentando não repetir as respostas;
• Indicar no mínimo três blogs para respondê-la e avisá-los.

Fui indicada pela Tati do Balanço nas Estrelas <3
Faz tanto tempo que eu fui indicada gente, uma vergonha responder agora, mas eu prometo tentar responder às TAG's que eu sou indicada pelo menos na mesma semana.
1- Indique três livros de autores nacionais que você tenha lido, gostado e estejam na sua estante.


Terras Metálicas - Filhos do Éden(Herdeiros de Atlântida) - Protocolo Bluehand Zumbis
Renato C. Nonato - Eduardo Spohr - Deive Pazos, Abu Fobiya e Alexandre Ottoni

2- Um ou três livros nacionais que estejam na sua estante, mas que você ainda não leu. 
Filhos do Éden (Anjos da Morte) - Eduardo Spohr

Uma vergonha eu sei, mas ainda não li porque fiquei muito triste com a promoção do próprio Spohr. Ele estava realizando um concurso, então eu comprei o livro, só que ele chegou um dia antes do resultado, aí eu meio que fiquei deprê sabe?! Mas eu tenho que ler ele esse ano então, aguardem.

3- Um ou três livros nacionais que você não tenha na sua estante mas gostaria de ter.
    Book♥   Books*-*   .@anajulia_hygino (Ana Júlia Hygino) 's Instagram photos | Webstagram - the best Instagram viewer
Fazendo meu Filme - A menina que colecionava borboletas - Dragões de Éter
Paula Pimenta - Bruna Vieira - Raphael Draccon

E os indicados para essa TAG que me doeu profundamente em fazer são o Igor Alves, a Gaby e a Bianca que já foram indicadas para responderem a outra TAG que eu postei aqui, espero que vocês respondam ein! Então gente, me contem sobre os livros nacionais favoritos de vocês nos comentários.

*As três últimas fotos do post foram retiradas do site We♥It e possuem os devidos créditos, basta clicar nas mesmas.